Selva D’água

Dias tórridos de calor com temperaturas acima dos trinta graus célsius e umidade cem por cento dentro da selva. A serra do mar encravada numa cordilheira de montanhas, do litoral ao planalto do vale do Paraíba, até os melhores e bem preparados caminhantes serão exauridos pelo desgaste fulminante dentro da selva da serra do mar. Com a roupa molhada de suor, entre um riacho e outra cachoeira, o único meio para se refrescar era cair dentro d’água e buscar proteção do sol escaldante.

Entre uma clareira e outra a respiração ecoava nas arvores. Na mata densa, na busca pelo canto das aves, o silencio do meio dia era incomodador. Na picada da trilha o vento se escondia no mato. O suor escorria aos olhos. A cada parada, o resgate por um novo folego. A hidratação e respiração era fundamental para se manter a sanidade. Ao ver os amigos, cada um sabia das dificuldades e não podíamos parar por muito tempo. O jeito era continuar a passos lentos, com cuidado, a cada trecho, escorregadio no barro e difícil nas pedras com os troncos e raízes testando nossa atenção.

Na caminhada sem fim, a mata parecia sempre igual, não fazia diferença, o verde mais verde, a cada curva, aclive ou declive, tudo igual. Da selva minava água de todos os cantos, uma verdadeira selva d’água. Belíssimas quedas d’águas se anunciavam para nossa breve alegria. Em respeito a mãe terra, baixamos a cabeça, levantamos o espirito em oração; E caminhamos a passos firme dentro da selva d’água.

Anúncios

Trilha do Rio Paraibuna

P1040513 (Large)

Quando os colonizadores europeus chegaram à América, a Mata Atlântica ocupava 1.000.000 Km², desde o Rio Grande do Norte até o Rio Grande do Sul, indo do litoral ao interior. Após meio século restaram apenas 8% do que fora outrora.

Felizmente em 1977 foi criado o Parque Estadual da Serra do Mar (PESM) com a importante missão de proteger remanescentes de floresta Atlântica, atuação em educação ambiental, pesquisa e ecoturismo.

P1040523 (Large)

No PESM Núcleo Cunha, temos áreas protegidas de mananciais que abastecem o Vale do Paraíba e Litoral Norte do estado de São Paulo.

Esta riqueza de mananciais esconde inúmeras cachoeiras e rios como o Paraitinga e Paraibuna, que formam o famoso rio Paraíba do Sul.

P1040521 (Large)

O PESM preserva árvores de grande porte como cedro, peroba, jatobá, canela, ipê, grumixama e guatambu. A flora abriga ainda angico branco, palmito jussara, bromélias e orquídeas.

A exuberância de sua mata preserva animais como a onças pintada e parda, anta, capivara, bicho preguiça, coati, bugio, jaguatirica, pica-pau, serelepe, gavião, mono carvoeiro, macaco prego, cateto, queixada e paca.

P1040528 (Large)

A Trilha do Rio Paraibuna pode ser percorrida sem monitoramento pois é uma trilha autoguiada de baixo nível de dificuldade numa extensão de 1.700 metros.

P1040534 (Large)

A exuberância da trilha acompanha a margem esquerda do rio Paraibuna anunciando poços e cachoeiras para banho. É um caminho para ser apreciado e contemplado!

Local: Cunha / SP.

Trilha da Pirapitinga

P1000509 (Large)

A Trilha da Pirapitinga está localizada dentro do Núcleo Santa Virgínia do Parque Estadual da Serra do Mar – PESM.

P1000560 (Large)

São inúmeros atrativos naturais entre corredeiras, cachoeiras e piscinas naturais nos rios Paraibuna e Ipiranga. A trilha tem uma variação altimétrica entre 800 a 840 m e distância de 5,6 km.

P1000578 (Large)

Os atrativos naturais são Cachoeira do Saltinho, Cachoeira do Salto Grande, Ponde de Pedra, Barra do Rio Ipiranga, Corredeira da Casa de Pedra, Poço do Peixe Grande, Cachoeira das Andorinhas e Mirante do Vale do Rio Paraibuna.

P1000565 (Large)

Na cachoeira do Salto Grande é possível observar bem de perto as Pirapitingas, uma espécie endêmica de peixe, e nos dias quentes se refrescar com um banho nas águas geladas do rio Paraibuna.

P1000638 (Large)

O Parque Estadual da Serra do Mar preserva ambientes de florestas ombrófila e atlântica de planalto tendo diversas espécies de árvores como o Manacá-da-serra, Cedros, Palmeiras, Canelas, Araçás e Palmitos.

P1000593 (Large)

P1000614 (Large)

A região também abriga muitas espécies animais como Jacu, Quati, Queixada, Macaco-prego, Tucano, Araponga e muitos outros animais nativos da Mata Atlântica.

P1000682 (Large)

Esta trilha é de nível de dificuldade média. No caminho de terra deve-se superar pedras e troncos em trechos de mata primária e secundária, com aclives e declives, às margens dos rios Paraibuna e Ipiranga.

P1000690 (Large)

Local: São Luís do Paraitinga / SP.

Pernoite no Corcovado

P1050882 (Large)

Paramos o carro próximo a um campo de futebol para iniciar a nossa jornada. O GPS marcava cota 15 metros e avistamos o nosso desafio que estava a 1.180 metros de altitude, o Pico do Corcovado em Ubatuba.

P1050890 (Large)

Após o campo de futebol seguimos a direita onde atravessamos um regato e na segunda bifurcação à esquerda entramos na mata. Atravessamos dois rios e continuamos na trilha a esquerda. Deste ponto adiante muito transpiração e diversão durante a subida íngreme.

P1050986 (Large)

Em uma hora de caminhada chegamos à cachoeirinha, local onde captamos água e ganhamos fôlego. Logo seguimos até o mirante na pedra da Igrejinha, espaço onde temos a primeira vista do litoral e da praia Brava, e também se avista o Corcovado.

P1050962 (Large)

De volta à trilha, o angulo da subida aumenta em um terreno repleto de raízes. Com a mochila cargueira nas costas a subida era a passos lentos até atingirmos uma clareira onde encontramos acesso a mais uma queda d’água.

P1050994 (Large)

Seguimos subindo e alcançamos mais uma clareira, mas desta vez na crista da serra. A cada passo ganhamos visões do interior da serra e do litoral norte. Neste lugar o caminho percorre uma vegetação com muitas bromélias.

P1060049 (Large)

No finalzinho, sobe-se um íngreme barranco usando a vegetação lateral como agarras. Então a crista se prolonga ao lado de um despenhadeiro. Do lado direito está a ponta do Corcovado e a esquerda encontramos o cume e um local protegido do vento para acampamento.

P1060018 (Large)

A natureza singular reservou um dia quente onde o sol poente trouxe uma grande sombra do pico aos pés da serra do mar. O calor se esvaiu. Para nossa surpresa a lua cheia acentuou o contorno da serra e ampliou as luzes vindas da cidade de Ubatuba.

P1060038 (Large)

Durante a madrugada fria o vento chegou forte e antes do amanhecer saltei para fora da barraca. Mais um esplêndido nascer do sol! Grato por mais um final de semana junto a uma natureza espetacular e aos amigos de fibra.

P1060149 (Large)

“Subi o ponto mais alto possível e olhei pro oriente. Raios de luz despontaram atrás das montanhas. O vento ainda doía à pele. Como numa pintura o quadro se encheu de luz vermelho alaranjado que inundou o amanhecer de mais um dia.”

Trilha do Garcez

P1050448 (Large)

A Trilha do Garcez está localizada dentro do Parque Estadual Serra do Mar – PESM, Núcleo Santa Virgínia – Base Vargem Grande, município de Natividade da Serra / SP.

P1050519 (Large)

Um lugar para contemplar a beleza natural da Serra do Mar caminhando às margens do rio do Jacu e rio Grande. O caminho dentro da floresta atlântica de planalto tem variação altimétrica em torno de 230 metros e uma distância total de 6 km.

P1050554 (Large)

Esta trilha conta com diversos atrativos naturais entre cachoeiras e poços para banho, como a cachoeira do Garcez, cachoeira do Pocinho, rio do Jacu e poços para banho ao longo do rio Grande.

P1050538 (Large)

Dentro do parque é fácil encontrar árvores como Manacá-da-serra, Cedros, Palmeiras, Canelas, Araçás e Palmito Jussara. A fauna abriga uma diversidade de 146 espécies de aves endêmicas da Mata Atlântica e 67 espécies de mamíferos.

P1050492 (Large)

Com um pouco de prática na observação do ambiente, pode-se ainda encontrar anfíbios e répteis usando do recurso da camuflagem para se proteger ou esconder dos predadores.

Local: Natividade da Serra / SP.

Trilha do Rio Grande

P1020702 (Large)

Saindo bem cedo de São José dos Campos seguimos em direção a São Luis do Paraitinga, sentido Parque Estadual da Serra do Mar – PESM, Núcleo Santa Virgínia, Base Natividade da Serra.

P1020705 (Large)

O Parque Estadual da Serra do Mar foi criado em 1977 com o objetivo de proteger parte dos remanescentes de Mata Atlântica. Suas encostas de altitudes elevadas abrigam árvores de grande porte como o cedro e guatambu que abrigam bromélias, orquídeas e samambaias.

P1020780 (Large)

No PESM preserva-se uma palmeira nativa da Mata Atlântica que está ameaçada de extinção. Também chamada de içara, é mais conhecida como palmito juçara. Estes nomes são derivados do seu nome em tupi: yu’sara.  

P1020713 (Large)

A região tem relevo acidentado que favoreceu a formação de corredeiras e cachoeiras nos rios Ipiranga, Ribeirão Grande e Palmital, afluentes do rio Paraibuna. A trilha do Rio Grande esconde poços naturais e cachoeiras, sem contar a diversidade de espécies vegetais e animais que constituem a biodiversidade da floresta atlântica.

P1020729 (Large)

Ás margens do Ribeirão Grande e protegido pela floresta, passamos pelo poços naturais do Ribeirão Grande e dos Peixes. A caminhada tem seu destino final na cachoeira da Boneca numa distância total de treze quilômetros.

P1020818 (Large)

Uma trilha de grande beleza natural!

P1020815 (Large)

Local: Natividade da Serra / SP