Cachoeira do Índio

Nas andanças pelo vale Europeu, região dos Lagos de Santa Catarina, o calor da primavera estava arrebatador, então seguimos até a cachoeira do Índio, na fazenda da família Kohlbeck, Estância Itaperuna, distante, morro acima, 50 km do Rio dos Cedros.

Fomos bem recebidos pelos proprietários que nos orientou para chegar na cachoeira. Seguimos fazenda adentro, passando pelos cavalos, carneiros, perus e galinhas, soltos em um campo gramado, e logo abaixo avistamos as corredeiras do rio dos Cedros.

A mata ciliar abraçava o rio e a gruta estava meio escondida sob as águas. O espaço alagado debaixo da pedra não é exatamente uma gruta mas vale a pena conferir. Deste ponto, logo à frente com a queda livre formada, o rio parece um sumidouro.

Passo a passo, procurando chão seco, vou de encontro onde a base da cachoeira pode ser fotografada. Com cuidado voltamos alguns metros, e descemos a trilha até chegar na parte baixa da cachoeira. Uma cortina d’água se abriu detrás das árvores.

O encanto é imediato, tanto pelo vento molhado, do paredão disposto em camadas de pedras, com destaque aos tons escuros e coloridos das rochas e vegetação, como o caminho molhado que passa atrás da enorme queda d’água.

Então segui no caminho molhado. Não tem como não ficar empolgado neste momento. Aquele enorme volume caindo em forma de cortina d’água, com um som bárbaro e tudo ficando molhado. Saí do outro lado, de corpo e alma lavada.

O Paraíso é Aqui

No litoral de Ubatuba são mais de uma centena de praias, e com toda certeza, dezenas delas são espetaculares. Uma delas é a praia do Félix.

A praia do Félix está 17 km ao norte do centro de Ubatuba. A orla da praia é abrigada por muitas arvores chapéu de sol que oferece um sombreado refrescante. As águas são límpidas e a mata é exuberante.

Um paraíso da mãe natureza onde a contemplação acontece espontaneamente, mas tem atrativos para todos os gostos.

O mar do lado esquerdo da praia é bom para surf e bodyboard, enquanto que o lado direito tem águas mais tranquilas, forma uma piscina natural, bom para remar de stand up paddle e mergulho livre.

Para aqueles que gostam de caminhada, o lado esquerdo reserva a trilha para a praia das Conchas. O lado direito, pela encosta rochosa, tem o caminho até a praia do Português.

A praia do Lúcio é mais conhecida como praia das Conchas. A trilha começa no final da praia do Félix, lado esquerdo, e termina numa pequenina praia de areia coberta por conchas, entranhada a esquerda do costão rochoso. Deste lado avista-se a praia e ilha Prumirim, e praias do Canto Itaipu, Português e Félix.

A praia do Português é também conhecida como praia Esquecida. Pela costeira do lado direito da praia do Félix, caminha-se sobre as rochas até a paradisíaca praia de águas cristalinas e cercada pela natureza.

É ou não é um paraíso este pedacinho da costa norte de Ubatuba?

Roteiro: Ubatuba / SP – praia do Félix, do Português e do Lúcio.

Floresta Nacional de Passa Quatro

No Brasil, floresta nacional é uma das categorias de áreas protegidas de uso sustentável estabelecidas pelo Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza, para promover pesquisa científica e uso sustentável dos recursos florestais.

A Floresta Nacional de Passa Quatro abriga uma área para recreação ao ar livre, com lago, cachoeira, rio, fonte de água mineral, viveiro de mudas, criação de trutas, jardins e área administrativa. A visitação é gratuita.

Esta unidade de conservação foi criada oficialmente em 1968, e controlada pelo IBAMA até 2007. Atualmente é administrada pelo ICMBio – Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade.

Área remanescente da Mata Atlântica, integra o Corredor Ecológico da Serra da Mantiqueira, abrangendo 3,3 milhões de m², de florestas de araucárias, eucaliptos e pinus plantadas, araucárias nativas e matas, numa altitude entre 900 a 1.400 metros.

A boa infra-estrutura facilita a visitação pública para desfrutar dos atrativos. Na caminhada vale a pena visitar a cachoeira do Iporã, ou apenas passear próximo ao lago, relaxar ao som da natureza ou fazer um piquenique.

Local: Passa Quatro / MG.

Loquinhas

P1110085 (Large)

Loquinhas é uma fazenda, propriedade particular, transformada para o ecoturismo. Distante apenas 4 km do centro de Alto Paraíso de Goiás.

O local visa proteger o meio ambiente e despertar o amor a natureza. Excelente para ½ dia de passeio, para relaxar e meditar. Fácil acesso para adultos e crianças.

O nome loca vem de toca debaixo d’água devido aos poços que se formam das cascatas e cachoeiras, de água cor esmeralda ou esverdeada.

P1110111 (Large)

Os acessos são por trilhas suspensas na mata, em passarelas de madeira, que margeiam os córregos Passa Tempo, Santana e Águas Claras.

Na trilha Violeta são 3 poços e no final a Cachoeira das Esmeraldas. Na trilha Rubí são encontrados 3 poços. Na trilha Loquinhas são 7 poços e o último é o belo Poço do Sol.

Todos os poços são ótimos para banho e ficam cheios na estação das chuvas. Enquanto que na estiagem alguns chegam a ficar secos.

P1110094 (Large)

Local: Alto Paraíso de Goiás / GO.