Voltar a Ser Livre

Agora a liberdade está tão real nos sonhos. Às vezes questiono a sanidade do ser. Acordar, lembrar do sonho, voltar a dormir e sonhar a partir do ponto onde o sonho parou. Isso sim é insano. Em um deles subi a colina com mais dificuldade, não desisti. Percebi tudo em preto e branco. Cadê as cores? Cadê a alegria? Senti a respiração, olho para trás e nada vejo. Então fui em frente. Isso mesmo, caminhei, muito mais por hora. Sei que espírito livre precisa de corpo físico dormindo. Sempre são incansáveis horas de trabalho, as vezes estudo, mas sei bem que muitos sonhos de nada lembro. Certo de que ainda não estou preparado para lembrar de todos. Acordo descansado. Agora tenho outra batalha para lutar. Sei que nesse orbe turbulento é preciso ser guerreiro nas atitudes do bem comum. Vou para o espelho. Olho no olho, vai encarar? Elevo um sorriso silencioso e respeitoso. Sim existem inimigos lá fora, mas o maior deles acabei de confrontar. Então, coragem! Vamos à luta para lá fora voltar a ser livre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s